Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

domingo, 4 de setembro de 2011

Um dia cinza




No meu silencio me chame
No amanhã cinza faça me ver
Como o céu ainda é azul.

Nos dias sem amanhã faça me crer
Apenas crer...
E desejar continuar vivendo.

Os dias tristes virão
Na idade da pedra que voltará
Com enormes muros a minha volta

Puxe-me pelas mãos
Antes que a prisão do meu ser
Consuma-me por inteiro.

Não me abandones
Não corra de mim, não me deixe aqui assim
Sozinho na vida sem destino.

No meu silencio, me de um beijo
Um beijo de boa sorte
E me leve consigo

Depois vamos cantar e dançar
Na chuva que nos lava a alma
E sussurrar a palavra que acalma

Coloque-me ao abrigo da tempestade
Fique comigo nas dificuldades
Por favor, me abrace me abrace

Mostre-me a janela do paraíso
Para que eu veja sua beleza
Mesmo que eu não possa participar

Ainda tenho a lembrança do amor
Que como as nuvens
Foi-se com os ventos

Toque-me agora, por favor,
Porque é forte um dia cinza
Ainda não posso sorrir.

Poesia: Marcos França
Imagem: Web

Vídeos romanticos

Loading...