Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Um pedido de perdão


                                

Faz-me falta o seu amor, 

Seus beijos molhados, sem medo do pecado, 

Com a malicia derramada em seus olhos da cor do céu, 

Sinto um vazio corroendo-me as entranhas, 

Onde no caminhar das horas, 

Ele vai consumindo meu coração, 

Que agora abandonado, já bate descompassado, 

Sem ritmo, chorando sem saber a razão. 

O adeus doeu... 

Com a desilusão me afoguei em prantos, 

Senti-me jogado pelos cantos, 

Ouvindo apenas o vento lá fora, 

Assoviar a marcha fúnebre. 

Mas como esse pecado não assumimos, 

Onde estais agora, além do meu coração? 

Onde deixas os teus beijos molhado? 

Porque ainda olho com esperança, 

Na mesma direção dos nossos sonhos! 

Escute a voz do amor, beije-me para aliviar minha dor, 

Minha rosa de pétalas cafuza. 

Não apague minha alma do livro da sua vida, 

Renegue o pensamento da despedida, 

E deleite seu perdão a esse nobre bastardo apaixonado, 

Que foi inocente e incapaz de demonstrar seu amor, 

Que por entre os dedos deixou escapar, 

A formosa rosa, rainha morena do seu jardim. 

Faz me falta o seu amor, 

Faço um pedido de perdão para esse amor que julga enfermo, 

Pois não merecemos esse inferno, 

Na união de nossos corpos existirá a cura, 

Que matará a insanidade de dor, 

Que fará brilhar o sol no inverno, 

E até o céu em seu belo infinito eterno, 

Invejará dos teus olhos a cor. 

Onde oras errei apagaremos! 

E vamos renascer das cinzas, 

Amar na brisa, deixar explodir o que sentimos, 

Esquecer que às vezes já mentimos, 

Mesmo que seja para o bem maior. 

O menino que ontem fui, 

Trás a experiência que hoje flui, 

Em meu olhar esperançoso, 

Rosa que em meu peito se abriu, 

Néctar mestiço que de mim partiu, 

No bico de um colibri. 

Não existirá a certeza do meu erro, 

Nessa lagrimas do perdão a mim negado, 

Mas... No deslize que fui flagrado, 

Nesta maldita atrevida vida mundana, 

Apesar de amar só quem merecia, 

Hoje só a solidão é que me acompanha. 

Boa noite rainha, rosa morena do meu jardim. 

Um abraço ainda que na esperança,

Fico com os beijos na lembrança, 

E esperando você... Vou cuidar de mim.


Marcos França

Imagem Web

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vídeos romanticos

Loading...